Arquivo da categoria: Vídeos

“Mendigo” surpreende passageiros de ônibus em Goiânia; Assista

O projeto “Operação Evangelismo” idealizado por Nonay Foralskelse e produzido pela “Ministração Criativa” reúne equipes de jovens motivados com o propósito de evangelizar de forma estratégica usando o teatro para difundir a palavra de Deus

“Pensamos em uma forma de mostrar o pecado das pessoas que antes só ouviam falar pecado, mas não tinha alguma ilustração sobre ele”.

A ideia central era de um homem vestido com roupas sujas, maltrapilho, fedendo e aparentemente triste. Então, esse homem surge em um terminal de ônibus de Goiânia segurando um cartaz que tinha a seguinte frase: “Hoje eu não quero nenhum centavo, apenas seu abraço”.

Em seguida, ele entra em um ônibus e começa a falar que queria somente um abraço e que não se sentia amado há muito tempo. Todos olham, mas permanecem indiferentes, até que uma senhora se levanta e lhe dá um abraço. Para a surpresa de todos, algo acontece após esse abraço.

Assista ao vídeo:

Feira de Santana – BA também se mobilizou para essa primeira ação evangelística O projeto é de convocação para todo o país. Essa convocação é feita pelas redes sociais onde os jovens interessados montarão o seu batalhão de evangelismo e seguirão os passos da estratégia que será enviada pela equipe de Nonay.

“As ideias são direcionadas por Deus, pois não queremos fazer nada por emoção ou agito. Oramos e pedimos uma direção dEle para que façamos um evangelismo impactante”.

O vídeo foi postado no canal “Ministração Criativa” e tem impressionado evangélicos nas redes sociais. O ministério possui também uma página no Facebook chamada Ministração Criativa (fb.com/MinistracaoCriativa)

Anúncios

“Cristo Suburbano”: Documentário apresenta panorama do punk rock cristão no Brasil

O Projeto Cristorama acaba de lançar um documentário com um panorama da cena do punk com temática cristã no Brasil. Intitulado “Cristo Suburbano – Documentário Punk Underground Cristão”, o filme apresenta bandas que apesar de sua fé e letras, não perdem em momento algum sua contestação, acidez e criatividade extrema.

No exterior, o gênero é representado por nomes como Altar Boys, The Predators, 100% Proff, Nobody Special, One Bad Pig, Lust Control e The Lead. Ao apresentar a cena brasileira do gênero, o documentário apresenta bandas de todo o Brasil, como Ressurreição (SP), Crush Hell Machine (CE), Dexin (SP), New Life Tones (SP), Thimoteos (SP) (atual No More Zombies) , Soberano (SP), Romanos Se7e (SP), Living Fire (SP), F.M.I. (Fabuloso Mundo de Ilusões) (PE) e CxFxI (RJ).

Segundo o site Whiplash, o filme apresenta um grande leque de variações do gênero punk, que vai desde o mais clássico, seguindo pelo hardcore, hardcore melódico, emocore, crossover e até thrash metal.

“Cristo Suburbano” conta ainda com o depoimento do pastor Batista da banda Antidemon, uma das representantes mais conhecidas do gênero no Brasil, e com a citação de outras bandas da cena, como Theosophy, Ruptura e Radioativos.

Assista ao documentário:

Fonte:Gospel+

Cláudio Duarte fala sobre casamento e sexualidade no Ratinho

O pastor Claudio Duarte esteve no “Programa do Ratinho” nesta quinta-feira (24) participando do quadro “Dois Dedos de Prosa”.

Essa foi a segunda vez que o pastor evangélico esteve na atração do SBT falando principalmente de sexo e família, mostrando como deve ser o relacionamento de acordo com a Bíblia.

Logo no começo da conversa, Duarte deixou claro ao apresentador Carlos Massa que só fala sobre sexo e casamento nas palestras, e não nos cultos.

Ao longo do programa o pastor respondeu perguntas da produção, dos telespectadores e da plateia do programa, sempre se baseando na Bíblia para solucionar as dúvidas apresentadas.
Uma delas foi a respeito das fantasias sexuais. “Eu não vejo restrição nenhuma nas fantasias, desde que o objeto de desejo seja o corpo do cônjuge”, afirmou.

Outra dúvida levantada foi se o sexo oral é pecado. “Tem um texto em I Pedro 3:7 que diz que você deve se relacionar sexualmente com sua mulher com entendimento. No meu posicionamento sexo oral é entre você e sua mulher e ninguém tem nada a ver com isso”, disse ele.

Ratinho deixou claro que o tema do programa seria sexo por ser um tema polêmico que dá ibope. Inclusive ele comentou que a primeira participação de Cláudio Duarte no programa foi um sucesso.

O pastor também precisou responder a respeito da relação homossexual. Ao falar que todos os seus conselhos são bíblicos, Cláudio Duarte afirmou que sim, a relação homossexual não é aceita, mas que isso não lhe dá permissões para agredir moralmente os homossexuais.

“A Bíblia me orienta a não aceitar [a prática homossexual]. Isso não me dá direito de segregar ninguém, de usar palavras pejorativas, de diminuir as pessoas. Só que, como eu estou baseado biblicamente, não aceito”, afirmou.

Ainda sobre o tema, ele falou que como pastor ele entende que todas as pessoas precisam ter um encontro com Cristo, e depois desse encontro as pessoas entenderão o que é certo e o que é errado.

Assista o programa completo:

Fonte:GospelPrime

Cantora pop encarna diabo em vídeo e quer ser divindade para seus fãs

Mensagens subliminares não são novidade em clipes de música. Letras com trocadilhos e duplo sentido também não. Para quem não fala inglês talvez muito disso não importe.

Contudo, a cantora pop inglesa Lilly Allen está chamando atenção da mídia com sua nova música justamente por isso. Na terça-feira (22), Allen lançou o vídeo da música “Sheezus”, que dá nome ao seu próximo disco. Trata-se de um trocadilho com a palavra (she) e Jesus, ou seja, um “Jesus mulher”.

Para alguns, a letra mostra apenas a insatisfação da cantora de ter de concorrer num mercado tão povoado de estrelas como Rihanna, Katy Perry, Beyoncé e Lady Gaga. Todas elas mencionadas na letra da canção, onde Allen diz que veio para assumir o primeiro lugar em popularidade.

Não é à toa que a letra da canção diz “Ficar em segundo não é o bastante para as divas”. Contudo, não é apenas uma provocação a outras cantoras. O lançamento mundial do álbum ‘Sheezus’ deve ocorrer dia 2 de maio e a música em breve deve estar em todas as paradas (e rádios) do mundo.

Em entrevistas anteriores, Lilly havia explicado que a opção pelo nome Sheezus seria para marcar sua tentativa de ser “uma nova divindade da música pop”.

Com efeitos de animação um tanto toscos para os dias de hoje, a cantora se mostra meio neon, meio alienígena (Avatar), ora com olhos de cobra, ora com chifres… Perto dos dois minutos e 45 segundos do vídeo, sua imagem se assemelha muito a imagem popular de Satanás. Além disso, uma cruz invertida é projetada em sua testa durante alguns segundos.

Quando analisada de perto, é possível ver que a letra tem várias referências a questões espirituais: “Ficar em segundo não é o bastante para as divas/ Me dê a coroa, vadia/Eu quero ser Sheezus (Jesus mulher)/ Seja legal comigo, e eu posso te fazer meu discípulo/ Estou entediada de novo, saia por aí e diga/ Aos seus amigos para se juntarem à nós/Se entreguem para mim, eu sou a sua líder/ Me deixe ser a Deusa”. Some-se a isso o fato de ela ter posto um jesus crucificado e mumificado em vídeo anterior (Air Baloon).

Curiosamente, em 2011 a mesma Lilly Allen falava em como havia se convertido, largado as drogas que frequentava uma igreja cristã na Inglaterra.

Por uma estranha coincidência, o novo vídeo de Allen é lançado no mesmo mês que o clipe da música “G.U.Y”, da cantora americana Lady Gaga, cuja letra faz invocações pagãs e apresenta imagens com fortes referências sexuais. Perto da metade, aos 2 minutos, Gaga aparece “ressuscitando” Jesus. Seu sangue é colhido para uma espécie de clonagem que produzirá centenas de cópias biológicas deles no final do vídeo.

Assista (o conteúdo pode ser considerado ofensivo):

Fonte:GospelPrime

Silvio Santos fala que sexo antes do casamento é pecado

No “Programa Silvio Santos” do último domingo (20) o apresentador Silvio Santos brincou que irá se sentar no trono do Templo de Salomão, da Igreja Universal, para dar conselhos.

Sua filha, a apresentadora Patrícia Abravanel, pediu então um conselho se ela deve se casar antes ou depois do nascimento de seu primeiro filho, Pedro, fruto do namoro com o deputado federal Fábio Faria.

Silvio Santos respondeu a pergunta falando que sexo antes do casamento é errado. “Como você já pecou você deve casar o mais rápido possível, o que seria muito melhor”, disse ele.

Mesmo em tom de brincadeira o dono do SBT usou argumentos que seguem os princípios bíblicos ao afirmar que o homem e a mulher devem se manter virgens até o casamento, pois isso evita que haja comparações com parceiros sexuais anteriores, evitando assim o fim do relacionamento.

“Quando a mulher sai com outros homens, quando ela casa e o marido não é o que ela encontrou nos outros homens, ela fica frustrada e abandona o marido. Se ela não conhecer outros homens antes, ela não vai conhecer o sexo antes ela vai ficar satisfeita e o casamento vai durar”, disse ele.

Patrícia, que já foi pastora evangélica, achou a declaração do pai machista e perguntou se os homens também devem se casar virgens. A resposta de Silvio Santos foi a mesma, dizendo que o casal deve permanecer virgem até o casamento para evitar frustrações sexuais e separações.

“O casamento foi feito para que homem e mulher, virgens, se unam e se conheçam no sexo e no decorrer do casamento sejam próximos, sejam comparsas”, afirmou.

Voltando a brincar, Silvio Santos falou que porque muitas pessoas estão fazendo sexo antes do casamento o diabo está querendo comprar mais terreno pro inferno, declaração que fez a plateia do programa dar muita risada.

Assista:

Fonte:GospelPrime

Marco Feliciano fala sobre homossexualidade e política no Agora é Tarde

O pastor Marco Feliciano, deputado federal pelo Partido Social Cristão de São Paulo (PSC-SP), voltou à mídia nesta quarta-feira (23) após deixar a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados.

Feliciano participou do programa “Agora é Tarde”, apresentado pelo polêmico humorista Rafinha Bastos. Logo que anunciou sua participação milhares de internautas se dividiram sobre o pastor conceder ou não conceder a entrevista a Rafinha. Muitos internautas acreditavam que o humorista poderia prejudicar a imagem do pastor com suas piadas de dúbio sentido.

Ainda assim, a participação do líder da Assembleia de Deus Catedral do Avivamento não causou constrangimentos. Feliciano falou sobre os temas recorrentes e fez algumas revelações sobre sua vida pessoal.

Rafinha iniciou a entrevista questionando o parlamentar sobre o sumiço na mídia. Para o pastor o que houve foi uma tentativa de usá-lo como bode expiatório, mas como não tiveram resultado, quando a imprensa parou de falar sobre sua estada na CDHM, Feliciano diz que houve as grandes manifestações no Brasil contra o Governo.

O apresentador também questionou Feliciano se sua rejeição na CDHM não teria sido motiva por suas posições polêmicas. Para Feliciano esta rejeição é de um grupo minoritário que representa 3% da nação, enquanto que 90% da população manifestava apoio às suas opiniões.

Rafinha Bastos questionou Feliciano sobre sua opinião quanto a homossexualidade e afirmou que o Movimento LGBT “extrapola as vezes até para mostrar sua causa de maneira mais veemente”.

“A conclusão que eu cheguei é que o homossexual em si é um fenômeno de comportamento. A pessoa não nasce, porque não existe o gene gay, a ciência não conseguiu descobrir até hoje. Então é um fenômeno comportamental. O próprio movimento chama de orientação sexual. Se é uma orientação pode haver uma reorientação ou até uma desorientação”, comentou o parlamentar.

Para o pastor o único profissional que poderia estudar o comportamento homossexual é o psicólogo, porém no Brasil o Conselho Federal de Psicologia proíbe os profissionais da área de abordarem o tema.

Para a surpresa do público evangélico o apresentador chegou a citar passagens bíblicas que tratam sobre a questão da homossexualidade. Rafinha Bastos lembrou a passagem em Apocalipse sobre os que entrarão no reino dos céus citando os afeminados como sendo aqueles que serão impedidos.

O apresentador encerrou a participação de Feliciano em um quadro onde o parlamentar deveria escolher aquelas pessoas que ele coligaria e aquelas que ele não concorda com a opinião e por isso não coligaria.

Marco Feliciano disse que não coligaria com a presidente Dilma Rousseff. Apesar de não explicar os motivos Feliciano tornou-se um crítico do Governo por considerar que foi usado pelo mesmo como bode expiatório. Nas eleições de 2010, Feliciano chegou a fazer campanha em favor do Partido dos Trabalhadores.

Ao apresentar a ex-ministra Marina Silva o parlamentar também rejeitou uma possível coligação, pois para ele Marina traiu os princípios cristãos. O parlamentar lembrou que em 2010 a candidata Marina Silva conquistou mais de 20 milhões de votos, sendo uma surpresa nas eleições presidenciais, mas acabou não opinando sobre questões morais. Marco Feliciano também lembrou que durante a participação da ex-senadora no programa Roda Viva ela acabou dando uma resposta dúbia sobre o criacionismo. Na época Feliciano chegou a publicar um artigo criticando Marina Silva.

Entre outras personalidades o parlamentar disse que coligaria com a jornalista do SBT, Rachel Sheherazade, âncora do telejornal “SBT Brasil” que se envolveu em uma polêmica após defender a ação de cidadãos no Rio de Janeiro contra um bandido.

Para Feliciano a jornalista é uma das poucas vozes que representam o pensamento da sociedade. Sheherazade foi proibida de expressar opiniões após perseguição política sofrida pelo SBT.

Rafinha Bastos também criticou a censura à jornalista e disse que a jornalista representa o pensamento de muita gente.

Assista:


Fonte:GospelPrime

Desafio “Lançai a Palavra” sai do Facebook e se torna movimento de evangelismo no transporte público; Assista

O movimento “Lançai a Palavra” começou no Facebook com a publicação de vídeos em que internautas liam versículos bíblicos e comentavam o significado pessoal daquela passagem. No entanto, um desafio feito pela Academia de Formação em Missões Urbanas (AFMU) aos alunos do curso levou os estudantes a “lançar a Palavra” em áreas públicas.

“No dia 29 de março alguns alunos de nosso curso presencial tiveram uma aula prática de pregação em ônibus, e decidimos entrar na corrente Lançai a Palavra, só que no nível hard”, diz o texto de divulgação do vídeo da AFMU.

Para alguns dos estudantes, pôr em prática o que foi aprendido no curso, representou um passo importante no cumprimento do propósito do curso: “O fantástico é que quando anunciamos o evangelho, somos meros espectadores da glória de Deus que se manifesta tanto para o ouvinte como para o mensageiro. É no Ide que vemos mais profundamente a glória de Deus”, relatou Gege Costa.

O aluno Felipe Cruz disse que a interação com as pessoas é um desafio maior do que a divulgação de vídeos nas redes sociais: “Postar #EuNãoMeEnvergonhoDoEvangelho acomodado em frente ao computador é muito fácil. Na vida real, porém, o Evangelho nos cobra gana e raça”, destacou.

O professor Yago Martins, seminarista com ênfase em missiologia, ressaltou a importância da prática do evangelismo na vida de quem se propõe a seguir a Cristo: “Constantemente falamos nas aulas da Academia que Deus não deseja que nos tornemos degustadores de teologia, que sentam confortavelmente diante dos púlpitos, saboreando e criticando os pratos doutrinários que nos são servidos. Teologia deve nos levar à prática, e esta prática inclui a proclamação da Revelação de Cristo ao mundo. Louvo a Deus pela AFMU”.

Assista ao vídeo dos alunos evangelizando no transporte público:

Por Tiago Chagas | Fonte:Gospel+

[Vídeo] Cristãos são presos em universidade por distribuírem panfletos dizendo que a homossexualidade é pecado

Dois evangelistas foram presos no campus de uma universidade canadense por distribuírem folhetos que pregavam contra a homossexualidade, dizendo que a prática é pecaminosa. Peter LaBarbera e Bill Whatcott  fazem parte de um grupo chamado The Truth About Homosexuality (“A verdade sobre a homossexualidade”, em tradução para o português).

Os cristãos foram abordados por um funcionário da universidade, que pediu que eles se retirassem, pois a instituição tinha regras que proibiam a distribuição de folhetos em suas dependências.

Na conversa, o evangelista Whatcott rebateu o funcionário dizendo que eles estavam exercendo seu direito à liberdade de expressão, e que haviam procurado a universidade para conseguir permissão e foram ignorados.

“Eu não vou sair. Você é o intolerante e deveria ter vergonha de si mesmo por não permitir a nossa mensagem sem sequer pensar nisso”, disse Whatcott. Segundo informações da CBC News, pouco tempo depois vários policiais chegaram ao local e algemaram os evangelistas.

Os representantes da universidade explicaram sua decisão de chamar a Polícia: “Somos um campus diversificado e acolhedor. Nós celebramos a diversidade e nossa equipe sentiu que o material e algumas das coisas que eles tinham eram simplesmente inconsistentes com a política do campus e os pediram para sair”, disse Tom Chase, um dos vice-presidentes da universidade.

Por Tiago Chagas | Fonte: Gospel+

Vídeo do Diante do Trono causa polêmica

Oração durante congresso gera críticas

Durante o feriado de Páscoa acontece em Belo Horizonte o 15º Congresso de Adoração e Intercessão Diante do Trono. Transmitido ao vivo pela internet, o evento reuniu líderes evangélicos conhecidos como Apóstola Valnice Milhomens, Pastor Márcio Valadão e Pastor Hudson Medeiros. Também estavam presentes lideranças influentes na área da música como a pastora/cantora Ana Paula Valadão, seu esposo pastor Gustavo Bessa, e seu irmão André Valadão.

Em meio a cerca mais de três horas da celebração, a pastora Ana Paula chamou ao palco todos os líderes para fazer o que denominou “Ato Profético: Transferência de Gerações”. Após um período de oração os pastores mais velhos oraram e impôs as mãos sobre a geração de Ana Paula (filha do Pr Márcio) que em seguida fez o mesmo para a “nova” geração, representada por Israel Salazar, Marine Almeida, Amanda Carius e Leticia Brandão, que hoje são integrantes do backing vocal do grupo Diante do Trono.

Dentro de pouco tempo o vídeo deste momento, com cerca de 4 minutos,  já circulava na internet, gerando uma série de comentários críticos à cantora. Em redes sociais como o Youtube e Facebook havia quem fizesse piada com os movimentos de Ana no palco, chamando de “unção do avião” e reclamando do fato de ela ter empurrado Israel. Ao mesmo tempo, muitos defenderam o ato profético, afirmando que não se pode criticar um movimento espontâneo guiado pelo Espírito Santo. Um terceiro grupo, inclusive, previa a polêmica, afirmando que muitos evangélicos “não entenderiam”.

Não é a primeira vez que a cantora se envolve em polêmicas por conta de uma ministração. Anos atrás ela engatinhou no palco durante um evento e falou sobre a “unção do leão”. Foi um momento parecido no Congresso de Adoração do Diante do Trono de 2011 que levou bispos da Igreja Universal a criticarem a cantora.

Veja o vídeo postado no Portal Diante do Trono

Fonte:GospelPrime

Valdemiro Santiago revela que tentou suicídio aos 12 anos

O programa “Luciana By Night” da última terça-feira (15) mostrou a entrevista com o apóstolo Valdemiro Santiago. Luciana Gimenez conduziu uma entrevista divertida deixando com que o fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus falasse sobre sua história.

Valdemiro falou sobre sua vida no interior de Minas Gerais, na roça como ele costuma dizer, e também citou a morte sua mãe. Abatido com a falta dela, Valdemiro tentou se matar.

“Eu tentei me matar porque eu pensava que sem ela eu não conseguiria sobreviver”, disse o religioso.

A doença misteriosa da mãe fez com que os vizinhos dissessem que era obra de macumba. Luciana perguntou se ele acreditava em macumba e se macumba pega.

“Macumba pega. Em mim não pega não, mas já pegou. Eu carregava um patoá na época, quando eu era pequeno. Uma macumbeira me deu um patoá para me proteger. Eu fiquei amigo da macumbeira, mas fiquei rebelde”, disse.

O que o religioso queria dizer é que existe o mal, assim como existe o bem. “Se você se apega a Deus e anda com Deus não precisa ter medo do mal, agora se você estiver distante de Deus é certo que o mal vai fazer parte da sua vida”.

Santiago contou que saiu da “roça” para ir para uma cidade grande, mas acabou caindo em um caminho errado. Foi nessa parte que ele falou sobre não se importar com a placa de igreja, pois elas são iguais. “É Deus que faz a diferença nas nossas vidas”, afirmou.

A apresentadora fez uma brincadeira com o religioso pedindo para que ele adivinhasse o nome dos queijos, já que ele é mineiro.

Depois da brincadeira Santiago voltou para entrevista e comentou sobre sua conversão, sem citar que foi evangelizado por um pastor da Igreja Universal do Reino de Deus.

Assista:

Fonte:Gospel+