Arquivos do Blog

Menino de seis anos de idade opera milagres ao impor as mãos sobre enfermos e orar por cura

Um menino de seis anos de idade tem sido o centro das atenções numa igreja do estado norte-americano da Pensilvânia por impor as mãos sobre enfermos e estes serem curados. Joey, como é chamado o menino, tornou-se uma espécie de canal de milagres quando sua tia estava doente e ele orou por ela de forma espontânea.

A tia de Joey, Mindy, estava debilitada e recusando visitas, quando o menino insistiu para vê-la. Ao encontrá-la, foi sincero e objetivo, segundo sua mãe: “Joey colocou a mão na sua cabeça, e disse: ‘Pai Celestial, peço-lhe para tocar a minha tia Mindy e curá-la, porque sabemos que por suas palavras ela será curada. Obrigado por sua cura em nome de Jesus. Amém”.

A situação de Mindy, até aquele momento, era bastante grave: “Quando chegamos à casa, fiquei chocada com a forma como a minha irmã me olhou. Eu quase não a reconheci. Ela estava tão fraca, que nem sequer conseguiu levantar a cabeça do sofá, onde ela estava deitada e coberta. Ela só abriu os olhos e olhou para nós. A pele estava pálida; Havia círculos escuros sob os olhos afundados, gotas de suor em sua testa, e dava a impressão de que estava morrendo. Joey olhou para ela e disse: ‘Eu vim para orar por você. Eu vou curá-la em nome de Jesus’. Eles apenas se entreolharam em silêncio, como se estivessem tendo uma conversa que ambos entendiam. E ela cedeu”, relatou a mãe do menino.

Segundo ela, durante a oração, o aspecto de debilidade foi sendo substituído por uma aparência mais saudável: “Enquanto ele orava, abri meus olhos e fiquei admirada com a transformação que eu estava presenciando. Foi um milagre. Se eu não tivesse visto isso por mim mesmo, eu não teria acreditado. A cor começou a subir de volta em seu rosto. Seus olhos sem brilho começaram a brilhar. Aquela pessoa que estava fraca demais para levantar a cabeça, agora tinha se sentado”.

A tia do menino, grata pela cura, afirmou ao Charisma News que Joey era a representação da providência divina: “Ele era a resposta às minhas orações”. A jornalista Becky Fischer comentou em seu texto sobre o menino que “é vital que entendamos o potencial de até mesmo as crianças mais pequenas, quando eles são ensinadas sobre a Palavra de Deus, pois quando os dizemos no que crer, eles entregam uma fé muito maior do que todos os adultos”.

Atualmente, pessoas enfermas vão aos cultos da igreja frequentada pela família de Joey e recebem orações do menino, com imposição de mãos, para que sejam curadas.

Por Tiago Chagas | Fonte:Gospel+

“Quando eu morrer, vou contar tudo a Deus”, afirma criança vítima da guerra na Síria

No último mês a agência EFE informou que mais de 150 mil pessoas morreram desde o início da guerra que assola a Síria a cerca de três anos. Em meio a essa situação desoladora, um menino de 3 anos de idade chamou a atenção do mundo todo quando, pouco antes de morrer, afirmou que “contaria a Deus” sobre a guerra quando morresse.

– Eu vou contar tudo a Deus – teria afirmado a criança, que não foi identificada.

Segundo o Acontecer Cristiano, o menino estava muito ferido quando proferiu essas palavras, vítima dos confrontos no país, e morreu poucos dias depois. Essa afirmação chamou a atenção em todo o mundo, e o site Economy 2.0 comentou afirmando que isso serviu para aumentar a conscientização sobre tudo que está acontecendo no mundo.

– Morrem pessoas inocentes todos os dias por razões que não consigo nem explicar, uma vez que eles não são culpados de nada – afirma o site.

De acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), ONG responsável pelos dados da guerra divulgados pela EFE, dados informações recebidas de uma rede de ativistas e fontes médicas militares relatam 150.344 mortos pela guerra, entre os quais estão incluídos 51.212 civis, dos quais 7.985 são crianças.

Por Dan Martins | Fonte:Gospel+

Sequestrador liberta menino que não parava de cantar música gospel

Um menino de apenas dez anos de idade foi libertado de um sequestro de uma maneira inusitada. Após cantar por três horas a música gospel “Every Praise” [Todo Louvor].

Willie Myrick estava no quintal de sua casa na região de Atlanta, nos Estados Unidos, quando foi agarrado e colocado dentro de um carro. Assustado, começou a cantar e mesmo quando o sequestrador o xingava e mandava ele parar. Ele não obedeceu.

Após cerca de três horas cantando, o sequestrador o soltou perto de casa, exigindo que o menino não contasse nada para ninguém. Willie correu até a casa de um conhecido e pediu para que ligassem para seus pais.

O ocorrido já tem quase um mês, mas esta semana tomou força na mídia após o autor da canção de louvor, Hezekiah Walker, ter viajado até Atlanta para se encontrar com Willie. “Eu só queria abraçá-lo e dizer-lhe que eu o amo”, afirmou Walker. O cantou acredita que Deus usou sua música para salvar a vida do menino.

O refrão de “Every Praise” diz: “Deus meu curador. Deus meu libertador. Sim, Ele é, sim, Ele é (x2). Todo louvor e cada louvor (x2). É para o nosso Deus”.

O pequeno Willie Myrick recontou a história na Igreja Batista Mount Carmel, onde sua família é membro. Além de compartilhar seu testemunho em diferentes templos, eles fazem um alerta para que os pais vigiem os filhos em todo o tempo. Explicam ainda não saber por que isso aconteceu com eles, pois não são ricos.

A polícia afirma não ter pistas sobre o suspeito, mas divulgou um retrato falado usando as informações dadas pelo menino.

Fonte:GospelPrime