Arquivos do Blog

Deputado evangélico apresenta projeto de lei para proibir a marca da besta no Brasil e impedir a implantação da “satânica Nova Ordem Mundial”

O deputado federal missionário José Olímpio (PP-SP), da Igreja Mundial do Poder de Deus, apresentou um projeto de lei que visa impedir o surgimento de uma “satânica Nova Ordem Mundial”.

O controverso projeto de lei foi apresentado na Câmara dos Deputados na última quarta-feira, 14 de maio, sob o argumento de que o Poder Legislativo deve se antecipar à possibilidade do “fim do mundo”, proibindo que a “marca da besta” seja concretizada com a implantação de chips nas pessoas.

“Tendo em conta que o fim dos tempos se aproxima, é preciso que o Parlamento brasileiro se antecipe aos futuros acontecimentos e resguarde, desde logo, a liberdade constitucional de locomoção dos cidadãos”, argumentou o missionário.

Segundo Olímpio, é urgente que “se proíba a implantação em seres humanos de chips ou quaisquer outros dispositivos móveis que permitam o rastreamento dos cidadãos e facilitem que sejam as pessoas alvo fácil de perseguição e toda sorte de atentados”.

O projeto, identificado na Câmara como PL 7561/2014, diz ainda que os argumentos de que os chips são desenvolvidos pensando na segurança das pessoas são falsos. “O povo brasileiro não deve se iludir com tais artifícios, que escondem uma verdade nua e cruel: há um grupo de pessoas que busca monitorar e rastrear cada passo de cada ser humano, a fim de que uma satânica Nova Ordem Mundial seja implantada”, escreveu o deputado.

Por fim, o missionário alerta para as profecias apocalípticas: “A Bíblia Sagrada, no livro de Apocalipse, capítulo 13, versículos 16 e 17, diz o seguinte: ‘16 – E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas, 17 – Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome’”.

Fonte:Gospel+

Anúncios

Pastor Pat Robertson afirma que asteroides atingirão a Terra como cumprimento de profecias do Apocalipse

O pastor Pat Robertson voltou a chamar atenção para si ao afirmar que os fatos narrados no apocalipse serão causados por asteroides, e que os impactos poderiam começar já na próxima semana.

Em seu programa The 700 Club, na TV Christian Broadcasting Network (CBN), Robertson lembrou do romance escrito por ele em 1995 que tinha como tema justamente o apocalipse.

“Eu escrevi um livro, chama-se ‘O fim dos tempos’, e se trata sobre um asteroide atingindo a Terra. Eu não vejo qualquer outra coisa que cumpre as palavras proféticas de Jesus Cristo que não seja um asteroide. Não há nada que possa fazer com que os mares fiquem turvos, que faça o céu a escurecer, a lua e o sol não dar sua luz, e as nações da Terra fiquem aterrorizadas se perguntando ‘o que está acontecendo? ‘”, afirmou o pastor.

Segundo o pastor, embora a gravidade do planeta Júpiter atraia a maioria dos asteroides, afastando-os da Terra, é possível que em algum momento, uma grande rocha venha em direção ao nosso planeta: “Qualquer dia destes… Pow!”, disse Robertson.

O icônico pastor tratou logo de tranquilizar os fiéis que o assistiam: “Ei, é só ficar pronto. Endireite-se com o Senhor. Pode ser na próxima semana, ou poderia ser daqui a mil anos, mas deveremos estar prontos a qualquer tempo, pois o Senhor diz: ‘Eu estou enrolando, já é hora de voltar para casa’”.

Por Tiago Chagas | Fonte:Gospel+

4 Luas de Sangue: especialista comenta especulações sobre a grande tribulação, anticristo e a volta de Jesus

As quatro luas de sangue previstas para aconteceram a partir do próximo dia 15 de abril, estendendo-se em outras três ocasiões até 2015, despertou o interesse de muitos cristãos sobre o fenômeno e seu significado em relação às profecias bíblicas do Apocalipse.

Muitos acreditam que o aparecimento das luas de sangue representa o início dos sete anos da grande tribulação e o surgimento do anticristo.

O pesquisador cristãos Luiz Carlos Fernandes desenvolveu estudos sobre o tema e apresentou alguns pontos que são importantes para a compreensão do assunto. Na entrevista abaixo, Fernandes fala sobre passagens bíblicas relacionadas com o tema e esclarece questões que estão associadas e que fazem parte da cadeia de eventos previstas no Apocalipse. Confira:

Ultimamente muito se tem especulado a respeito das quatro “luas de sangue”. Sabemos que nos últimos 14 anos você tem se dedicado a pesquisar e estudar as profecias bíblicas, principalmente os livros de Daniel e Apocalipse. Segundo os seus estudos é verdadeiro o que está sendo apregoado sobre as quatro luas de sangue biblicamente falando?

Bom, antes de mais nada precisamos analisar de forma imparcial a origem dos fatos e daquele que foi o primeiro a tentar correlacionar as supostas “luas de sangue” previstas pela NASA com as passagens bíblicas. Essa pessoa foi o pastor Mark Biltz, um judeu messiânico do Ministério El Shaddai – que fica perto de Washington – ele supostamente fez uma descoberta “fantástica” sobre os eclipses do sol e da lua, “profetizando” que os mesmos tinham relação com Israel.

Porém o que muitos não sabem é que, ele também “profetizou” que a grande tribulação seria de 2008 a 2015, e até hoje, mesmo os ateus fazem piada com os cristãos em virtude dessas falsas profecias. Veja neste vídeo uma delas:

Em Deuteronômio a Bíblia é bem clara quanto a aqueles que “profetizam” em nome do Senhor e isso não acontece… “Quando o profeta falar em nome do Senhor, e essa palavra não se cumprir, nem suceder assim; esta é palavra que o Senhor não falou; com soberba a falou aquele profeta; não tenhas temor dele. Deuteronômio 18.22”.

Agora, depois da “profetada” do Mark Biltz da “falsa grande tribulação” ter caído por terra, recentemente um outro pastor “requentou” a mesma “profecia” dando-lhe um ar sensacionalista e isso tem corrido o mundo inteiro, inclusive foi alertado no Portal Gospel+ que essa “nova febre” viria, logo depois que passasse a febre de 2012. . Seu nome é pastor John Hagee, porém, muito pior ainda que Mark Biltz, esse pastor texano nem ao menos acredita que Jesus Cristo é o Messias, parece inacreditável, mas é a pura verdade. Um suposto pastor “evangélico” que não acredita que Jesus é o Filho de Deus enviado ao mundo por Seu Pai para ser o Redentor de toda a humanidade caída. Confira nos vídeos abaixo:

E, é lógico, como já era de se esperar, mais uma vez os cristãos voltam a ser alvo de chacota para incrédulos. Confira neste link.

John Hagee, porém, apesar de mais apóstata que o primeiro, foi bem “mais esperto”… Vendo que o “arrebatamento secreto” que ele apregoava para antes das luas de sangue não chegava, mudou novamente a sua versão sobre as luas de sangue. Primeiro ele afirmava categoricamente em seus sermões que o “arrebatamento secreto” ocorreria antes das luas de sangue e agora como elas estão “às portas” e o arrebatamento não chegou, ele está dizendo em seu novo livro “Four Blood Moons: Something is About to Change” que o tal “arrebatamento secreto” vai acontecer somente “em algum momento” entre os próximos eclipses lunares, bom, só nos resta aguardar até 2015 quando finalizam as “luas de sangue” para ver mais essa “profetada” cair por terra.

Neste caso, o que de fato é bíblico e verdadeiro sobre esse assunto? Realmente as luas de sangue representam a volta iminente de Cristo ou do arrebatamento da Igreja?

Há 14 anos atrás criei um grupo de debate bíblico, que hoje conta com mais de 5.000 pessoas e atualmente funciona tanto no Facebook, como no YouTube e também no Twitter, justamente para explicar que “a cronologia bíblica é a chave para compreender as profecias”. Quando sabemos a “linha do tempo” dos fatos bíblicos é impossível sermos enganados por quem quer que seja. Essa tem sido a nossa luta em todos esses anos.

Vejamos por exemplo o caso específico dos sinais nos céus que são citados na Bíblia em diversas passagens, como por exemplo em Mateus 24:29, Lucas 21:25 e Apocalipse 6:12. Seguindo a linha do tempo da cronologia bíblica, constatamos quais os acontecimentos que viriam antes desses sinais, e indo direto ao ponto e pegando carona naquele que é o nosso modelo e exemplo (João 13:15): Jesus deixou claro que, além desses sinais nos céus serem acontecimentos grandiosos, pois servirão para revelar ao mundo, o evento mais grandioso de todos os tempos, ou seja, “a volta triunfal do Filho de Deus em poder e toda a glória”, necessariamente outros acontecimentos viriam antes. Veja comigo o texto de Mateus 24:29: “Logo em seguida à tribulação daqueles dias, o sol escurecerá, a lua não dará a sua claridade, as estrelas cairão do firmamento, e os poderes dos céus serão abalados”. Repare que Ele diz que, os poderes dos céus seriam abalados, ou seja, não é simplesmente a lua mudar de cor… O texto bíblico é claro, basta lermos…

Os poderes dos céus serão abalados, as estrelas cairão do firmamento… Repare também que, antes que esse grande abalo nos céus aconteça (e pode ter certeza que se Ele disse abalo, não é um acontecimento qualquer), teremos a “tribulação daqueles dias”. Obviamente isso é a grande tribulação citada em todo o capítulo 24 de Mateus.

Resumindo: seja qual for os grandiosos sinais nos céus (e é claro que isso não é uma simples mudança de cor pela interposição da terra entre o sol e a lua), antes disso, precisa vir a grande tribulação. As palavras eternas do Senhor Jesus são cristalinas quanto a isso, basta ler.

Coadunando com isso, novamente o Filho de Deus nos alerta também em Lucas 21:25. Dando exatamente o mesmo relato, Ele revela os sinais no sol e na lua. Porém nos versículos anteriores revela que antes disso vem a Grande Tribulação: “Porque estes dias são de vingança, para se cumprir tudo o que está escrito. Ai das que estiverem grávidas e das que amamentarem naqueles dias! Porque haverá grande aflição na terra e ira contra este povo. Cairão a fio de espada e serão levados cativos para todas as nações; e, até que os tempos dos gentios se completem, Jerusalém será pisada por eles” (Lucas 21. 22-24).

No livro de Apocalipse, 6:12, seguindo a mesma cronologia bíblica acontece o mesmo, ou seja, antes dos grandes sinais nos céus acontecerão os grande sinais na terra. Nesse caso, o livro do Apocalipse nos revela que haverá um grande terremoto (dizem os especialistas que pelo menos entre 9 e 10 graus na escala Richter). Leiamos: “Vi quando o Cordeiro abriu o sexto selo, e sobreveio grande terremoto. O sol se tornou negro como saco de crina, a lua toda, como sangue” (6:12). Repare que, antes do sol escurecer e a lua se tornar em sangue, primeiro a terra será sacudida por esse grande terremoto! Ou seja, invariavelmente os sinais na terra antecedem os sinais nos céus. E já que estamos falando em sinais na terra, outro acontecimento que antecede a volta de Cristo, é o surgimento do anticristo. O apóstolo Paulo dedicou um texto inteiro em 2 Tessalonicenses, no capítulo 2 para deixar isso bem claro. E se fez isso foi porque o Espírito de Cristo que nele habitava, sabia que, nos últimos dias tentariam nos enganar: “Irmãos, no que diz respeito à vinda de nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com ele, nós vos exortamos a que não vos demovais da vossa mente, com facilidade, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como se procedesse de nós, supondo tenha chegado o Dia do Senhor. Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniquidade, o filho da perdição” (2 Tessalonicenses 2. 1-3).

Na verdade hoje os cristãos leem muito pouco a Bíblia, e estão agindo e reagindo infelizmente de forma muito semelhante aos incrédulos… “Assim diz o Senhor: ‘Não aprendais o caminho dos gentios, nem vos espanteis com os sinais dos céus, porque com eles os gentios se atemorizam’” (Jeremias 10.2).

Já que conforme sua explicação esses sinais relatados pela NASA não são os sinais bíblicos, na sua opinião, o que de fato vai acontecer durante esse período das quatro luas de sangue?

Essa pergunta é excelente, pois em meio a proliferação do engano profetizada pelo Salvador em Mateus 24 em nada menos que em quatro versículos (3, 4, 11 e 24), nos dá a oportunidade de entendermos que está por detrás dos bastidores em relação a esses acontecimentos.

A história recente nos revela um grande engano envolvendo a nação moderna de Israel que foi fundada em 1948 através da ONU e entregue pela Inglaterra, desde 1917 por um acordo de guerra à Família Rothschild, que são falsos judeus Asquenazis. Entenda no vídeo abaixo:

Ora, se a nação moderna de Israel foi fundada para atender os interesses da família mais poderosa da terra que é de falsos judeus (relatados profeticamente em Apocalipse 2:19 e 3:19), com certeza tudo que envolve essa nação é completamente tendencioso e suspeito. Quem pode garantir que podem de fato estar cumprindo o calendário bíblico mantendo assim as festas judaicas nas datas corretas? As datas fornecidas pela NASA das “luas de sangue” são conhecidas há anos por qualquer pessoa que visitar o site. Porque acha as supostas datas das festas judaicas caem coincidentemente nas mesmas datas das “luas de sangue”?

A resposta é bem simples e revela um plano diabólico: assim como a elite mundial, liderada pela família de banqueiros mais poderosa da terra, usou como excelente pretexto e respaldo bíblico as “luas de sangue” (que aconteceram em 1949) para invadir a Palestina, e ali através da guerra financiada pelos bilhões dos banqueiros Rothschilds e com a ajuda da ONU, fundaram uma nação num único dia (Isaías 66.7-9), em apenas uma “canetada”, da mesma forma, em 1967, também durante “as luas de sangue”, a elite as usou para expandir a nação, anexando a Cisjordânia e Jerusalém oriental. Agora farão nessa tétrade exatamente o mesmo, ou seja, usarão as “luas de sangue” entre 2014 e 2015, para provocar uma terrível guerra no Oriente Médio, tendo como alvo principal o Irã, pois é questão de tempo manipularem a opinião pública de forma maciça, provavelmente com um ataque nuclear de “falsa bandeira”, na América ou mesmo em Israel que será provocado por eles mesmos no intuito de “satanizar” o Irã frente à opinião pública mundial, fazendo o mundo inteiro mergulhar em um caos de destruição e morte provocados pela guerra prevista no 4º selo do livro de Apocalipse 6:8: “E olhei, e eis um cavalo amarelo e o seu cavaleiro, sendo este chamado Morte; e o Inferno o estava seguindo, e foi-lhes dada autoridade sobre a quarta parte da terra para matar à espada, pela fome, com a mortandade e por meio das feras da terra”.

Colocamos uma série de vídeos no Youtube que explicam detalhadamente sobre as quatro luas de sangue, para assistir, basta clicar nos links abaixo:

A Falsa Profecia das 4 Luas de Sangue
O Falso Armagedom e as 4 Luas de Sangue
A Verdade sobre as Luas de Sangue

Que Deus nos abençoe e tenha misericórdia do seu povo.

FONTE: GOSPEL+

Para saber mais sobre o trabalho desenvolvido por Luiz Carlos Fernandes, acesse os sites:
amanhahoje.com 
jesus-ofilme.com
tempofinal.com
facebook.com/luiz.fernandes.94
twitter.com/fernandesgroup

“Luas de Sangue”: Cristãos associam fenômeno natural a profecias do Apocalipse

No próximo dia 15 de abril se iniciará um ciclo de 4 eclipses lunares em que a lua irá adquirir, durante um período curto de tempo, um tom avermelhado. Esse fenômeno tem motivado uma série de interpretações por cristãos, que acreditam se tratar do cumprimento de profecias bíblicas relacionadas ao fim dos tempos.

A chamada “lua de sangue” terá inicio às 5:20 (Hora de Greenwich), momento em que a lua começará a entrar na sombra da Terra até ficar em uma linha reta com o nosso planeta e o Sol. Com duração de 78 minutos, o eclipse poderá ser visto na América do Norte e no oeste da América do Sul.

Esse eclipse é o início de um ciclo de quatro aparições desse fenômeno natural, chamado tétrade. Além do dia 15, o fenômeno se repetirá também nos dias 8 de outubro, 8 de abril de 2015 e 28 de setembro de 2015, segundo a CBN.

Um dos proeminentes cristãos que interpretam o acontecimento como tendo dimensões bíblicas é o pastor John Hagee autor do livro “Four blood moons: something is about to change” (Quatro luas de sangue: algo está prestes a mudar).

Entre os trechos da Bíblia utilizados por cristãos para apoiar a ideia de que o fenômeno tem relação com o fim dos tempos estão os trechos de Lucas 21:25 e Atos dos Apóstolos 2:20 que, respectivamente, se referem ao fim dos tempos afirmando que “haverá sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas” e que “o sol se converterá em trevas, E a lua em sangue, Antes de chegar o grande e glorioso dia do Senhor”.

Há quem acredite que após essas datas em que “a lua se tornará em sangue” começarão os 7 anos de tribulações do governo do Anticristo. Entre os defensores dessa tese, é defendido também que há várias indicações de que a tensão entre Israel e os seus vizinhos muçulmanos está prestes a explodir, o que alimenta ainda mais uma possível aproximação histórica com o apocalipse bíblico.

Por Dan Martins | Fonte:Gospel+

Islândia cria espaço para preservar vida no apocalipse

Em uma ilha da Islândia foi construído um local capaz de preservar a vida humana no dia do juízo final. O espaço é chamado de Doomday Vault e já tem mais de 800 mil espécies de plantas.

Para essa construção foram gastos mais de US$ 5 milhões e a tecnologia usada é capaz de proteger pessoas de guerras nucleares, catástrofes climáticas e até de queda de asteróides.

O projeto é um bunker, termo usado após a Segunda Guerra Mundial em referência a um buraco feito para manter pessoas a salvo da guerra ou até mesmo de desastres.

No caso deste da Islândia ele fica no interior de uma montanha e é refrigerado com ar condicionado. Por estar abaixo do gelo, o local é ideal para preservar sementes e mesmo sem energia conservará cada uma das espécies.

Ma última semana mais de 20 mil plantas de cem países diferentes foram levadas para o bunker que tinha mais de 800 mil espécies armazenadas e protegidas. Entre as variedades está o feijão brasileiro, a cevada japonesa, o tomate-cereja americano e muitos outros. Com informações Terra.

Arqueólogos alegam ter encontrado a “porta do inferno” citada em Apocalipse

Um lendário portão para o submundo foi descoberto na Turquia por uma equipe de arqueólogos na antiga cidade frígia de Hierápolis. Trata-se de uma caverna que era mencionada na antiga mitologia e nas tradições greco-romana como a porta de entrada para o “submundo” ou “mundo dos mortos”.

Embora na mitologia tenha recebido o nome de “Porta de Plutão”, foi chamada de “Entrada do Inferno” pelo filósofo Cícero e pelo geógrafo Estrabão. Para os gregos, a entrada da caverna “vomita” vapores nocivos, capazes de matar qualquer coisa que cruze seu caminho.

“Todo animal que entrar ali, encontrará a morte instantânea”, dizem os escritos de Cícero. “Lancei para lá pardais e eles caíram imediatamente”. “Este espaço está tão cheio de vapor nebuloso e denso que dificilmente se pode ver o chão”.

Francesco D´Andria, professor de arqueologia na Universidade de Salento, que participou da descoberta da caverna, explicou que após a escavação do local, os arqueólogos encontraram colunas com inscrições dedicadas às divindades do submundo Plutão e Kore.

Sacerdotes faziam no local sacrifícios de touros a Plutão, levando os animais para dentro da caverna que emana  dióxido de carbono, explicou o arqueólogo. Acredita-se que o local de culto pagão foi destruído pelos cristãos, no século VI, e também sucumbiu após terramotos na região.

“Trata-se de uma descoberta excepcional, pois confirma e esclarece as informações que temos das fontes literárias antigas e históricas”, disse Alister Filippini, um pesquisador da história romana.

Esse local também pode ser uma “dica profética” de onde o Anticristo irá surgir antes do fim do mundo. O termo usado pelos gregos para Hades é o mesmo usado na Bíblia para falar do inferno, ou mundo dos mortos. Segundo o site WND estudantes de profecia veem uma semelhança dessa porta para o Hades com o termo “abismo” usado no livro de Apocalipse (9:2-3) e o fato de ele “exalar fumaça”.

Segundo Plínio, o Velho, conhecido historiador do primeiro século, Hierápolis também era conhecida como “Magogue”, citada pelo profeta bíblico Ezequiel, como um dos exércitos que iria invadir a terra de Israel pouco antes do retorno de Jesus. Para muitos professores de Bíblia, a batalha de Gogue de Magogue seria um embate preliminar e distinto da batalha final do Armagedom.

Hipólito de Roma (170-235), um teólogo cristão dos primeiros séculos, identificou Magogue uma região da Ásia Menor que é a Turquia moderna.  O reformador Martinho Lutero (1483-1546) entendia Gogue como uma referência aos turcos, povo que Deus havia enviado como um flagelo para punir os cristãos. O avivalista João Wesley (1703-1755), em suas notas explicativas em Ezequiel 38 e 39, identificou as hordas de Gogue e Magogue com “as forças anticristãs” que se levantariam da Turquia.  CI Scofield (1843-1921) e Charles Ryrie, famosos por suas Bíblias de Estudo ligavam Gogue e Magogue indizivelmente com o Anticristo e seus exércitos.  Se todos esses teólogos estavam corretos, e Anticristo tem uma ligação com o local geográfico que exala fumaça, o abismo ou a porta do inferno.Com informações WND.

Fonte:GospelPrime

Sinal do Apocalipse? Rio Eufrates está secando

Sinal do Apocalipse? Rio Eufrates está secando

Os estudiosos das profecias bíblicas oferecem várias interpretações para os textos que anunciam os sinais apocalípticos. Mas alguns parecem ser bem claros. O texto de Apocalipse 16:12 diz: “E o sexto anjo derramou a sua taça sobre o grande rio Eufrates; e a sua água secou-se, para que se preparasse o caminho dos reis do Oriente.”

Embora a Bíblia não forneça maiores detalhes de como isso ocorreria, desde o ano passado os cientistas alertam que, de fato, o Eufrates e o Tigre, principais fonte de água potável do Oriente Médio, estão secando.

O motivo seria a maneira inadequada como Iraque, Turquia e Síria usam as águas daqueles rios para a agricultura. Existem sete represas do Eufrates na Turquia e na Síria, segundo as autoridades iraquianas. Sabe-se que eles alcançaram o menor volume de águas da história. Há quem acredite que em breve poderá ser a metade do que era. E não parece haver sinais de recuperação de seus leitos.

A população que costumava viver às margens do Eufrates testemunharam seu recuo e com isso, foram obrigados a abandonar as fazendas. Com isso, pescadores e agricultores empobrecidos continuam fugindo para cidades maiores à procura de trabalho.

Primeiros a se beneficiarem do represamento das águas do Eufrates e do Tigre, o Iraque construiu duas barragens para irrigação agrícola e controle de inundações, quando o país ainda pertencia ao Império Otomano. Mas no início de 1990, a Síria reduziu o fluxo de água do rio Eufrates para o Iraque em 75%.

Ao mesmo tempo, governantes turcos afirmam que a água dos rios Eufrates e Tigre nascem na Turquia, o que lhes daria o direito de desviar a água e construir barragens para o desenvolvimento da região. Enquanto os governos discutem o rio continua secando.

Satélites israelenses detectaram a maior perda de água no Tigre e no Eufrates desde 2003, disse Alex Vishnitzer, diretor da Companhia de Água Israel, a Mekorot.  “A bacia desses rios perde a cada ano uma quantidade de água suficiente para satisfazer as necessidades de dezenas de milhões de pessoas que vivem na região, dependendo das regras de uso regional”.

Ele publicou um artigo sobre o assunto na edição mais recente de uma conceituada revista científica, resultado de uma parceria entre o Instituto de Tecnologia Technion de Israel e o Goddard Space Flight Center da NASA. A pesquisa baseou-se em dados coletados ao longo de um período de sete anos por satélites israelenses que monitoram as mudanças globais em reservas de água.

“Os dados mostraram uma taxa alarmante de declínio no armazenamento de água dos rios Tigre e Eufrates”, disse Vishnitzer. A maior parte, cerca de 60%, foi drenada através de bombeamento das águas, o que normalmente aumenta durante e após o período de seca na região. Segundo os dados coletados, mantida essa média, não irá demorar muito até que os leitos fiquem totalmente secos. Com informações Israel en Linea e New York Times.

Fonte:GospelPrime

Queda de meteorito na Rússia é sinal do Apocalipse?

Nesta sexta-feira ocorreu a queda de um meteorito na região dos Montes Urais, na Rússia. Até o momento foram registradas 514 pessoas feridas, 34 das quais tiveram de ser hospitalizadas, incluindo duas crianças.  A maioria dos feridos não precisou de hospitalização.

Especialistas não sabem precisar se foi apenas um meteorito ou se foram vários. O porta-voz do Ministério para Situações de Emergência da Rússia explicou que o desastre ocorreu a cerca de 80 quilómetros da região de Chelyabinsk. Os fragmentos rochosos provocaram prejuízos em diversos edifícios de seis cidades dos Urais.

Serguei Smirnov, do Observatório de Pulkovski em São Petersburgo, afirmou: “Era uma bola muito brilhante, muito visível no céu da manhã, um objeto com uma massa bastante grande, de muitas dezenas de toneladas”.

Com isso, aumentou o temor da população em geral porque a NASA divulgou dias atrás que um asteroide com 45 metros de diâmetro passaria hoje (15) a apenas 27 mil km da Terra.

Chamado de asteroide 2012 DA14, nunca antes um objeto tão grande passou tão próximo da Terra.  Os especialistas garantiram que não há risco de colisão com a Terra, mas não está claro se o meteorito que caiu na Rússia era um fragmento do DA14.

O teólogo Paul Bagley, especializado em escatologia, publicou um vídeo em seu canal do Youtube onde afirma que o fato de isso ter ocorrido poucos dias após o anúncio da renúncia de Bento 16 são sinais claros que as profecias do Apocalipse estão se cumprindo em nossos dias. Para ele, esse é apenas o primeiro do que podem ser vários corpos estelares caindo sobre a terra.

Assista:

Fonte:GospelPrime

Em série de sermões sobre o Apocalipse, pastor fala sobre a marca da besta e o anticristo: “A vil personificação do pecado e rebelião”

Numa série de mensagens sobre o apocalipse, o pastor Greg Laurie, da megaigreja Colheita, em Riverside, Califórnia, afirmou que “nós nunca estivemos tão perto do fim do mundo como agora”.

Ele destaca que as profecias relatadas no livro não se tratam apenas do fim, mas principalmente do início de uma nova fase: “No entanto, é importante saber que a Bíblia também fala sobre um novo começo em que não haverá perversão, terrorismo, guerra ou fome… Não haverá problema de qualquer espécie. Como Isaías 11:9 diz, o conhecimento do Senhor encherá a terra. Mas irá piorar antes de melhorar”.

Citando o conteúdo de Apocalipse 13:15-18, o pastor afirmou em seu sermão que “se você buscar o número 666 no Google, você vai receber 543 milhões de resultados”, e que as muitas interpretações sobre o que esse texto significa são normais: “Provavelmente, você vai encontrar 543 milhões de ideias sobre o que ele realmente significa. Eu não acho que qualquer um possa responder isso com certeza absoluta, mas isso é tudo que sei: o anticristo vai introduzir uma sociedade sem dinheiro. O final deste jogo é fazer as pessoas envolverem-se em adoração ao diabo”.

Segundo Laurie, a profecia do livro é das mais marcantes e seu conteúdo é provado diariamente na contemporaneidade: “O fato de que as palavras do Apocalipse 13 foram escritas na era de madeira, pedras, espadas e espírito, faz desta profecia uma das poderosas provas da natureza inspiradora e confiável da palavra de Deus que alguém pudesse ter imaginado. Quem poderia prever um sistema de um mundo econômico que controla todo o comércio, senão Deus?”, questiona o pastor.

Segundo ele, as ações implantadas pelo anticristo serão a tônica de seu governo: “A política econômica do anticristo será muito simples. ‘Pegue a minha marca e me adore, ou morra de fome’. Sem marca, sem mercadoria, sem selo, sem venda”, sugere o pastor, que ressaltou no sermão que “a capacidade técnica de executar isso existe”, de acordo com o Christian Post.

Sobre o anticristo, o pastor tem uma postura incomum a respeito do tema. Para ele, tudo que é bem-sucedido, é copiado. “Satanás é o imitador final”, introduziu. “Ele tem essa imitação barata de todas as coisas que são verdadeiras. Temos verdadeiros cristãos, e satanás tem pessoas que fingem ser crentes, mas eles não são. Da mesma forma, temos verdadeiros milagres, e satanás tem imitações falsas de milagres”.

O conceito de imitação serve para explicar a ideia de Greg Laurie em torno do anticristo: “Deus tem o Seu filho. Seu nome é Jesus e um dia, satanás terá seu filho, não exatamente na forma como o filho de Deus veio, porque Jesus é Deus encarnado. Mas de certa forma, satanás terá sua versão, sua imitação de Jesus… Nós temos Jesus Cristo, e satanás terá o anticristo”.

Para o pastor Greg Laurie, o anticristo será a “vil personificação da história do pecado e rebelião”, mas não terá aparência sombria: “Não vai estar vestido de preto, de cima para baixo ou ostentar uma marca visível de 666, disse ele. Pelo contrário, o anticristo será suave, inteligente, envolvente e carismático. Ele vai fazer o que nenhum outro homem foi capaz de fazer. Haverá paz global. Ele vai resolver o quebra-cabeça de paz no Médio Oriente. Ele irá livrar o mundo do terrorismo, e será saudado como o maior pacificador. Mas por trás isso vai ser um super-homem satânico, o homem mais mal que já andou na terra”.

Fonte: Gospel+

Igrejas de todo o Brasil se preparam para o culto da virada

Igrejas de diversas denominações se programam para receber fiéis na noite de Ano Novo, o chamado culto da virada convoca os membros a passarem o ano em oração, consagrando 2013 a Deus.
Entre as igrejas que já estão divulgando sua programação para o feriado do dia 1º de janeiro está a Igreja Universal do Reino de Deus que convoca seus milhões de membros em mais de 193 países a “romperem o ano na presença de Deus”.
Na IURD o culto da virada acontecerá em todos os cenáculos do Espírito Santo a partir das 22h do dia 31 de dezembro, próxima segunda, a vigília vai entrar nas primeiras horas do dia 1º.
Ao fazer o convite para este culto, Edir Macedo cita Apocalipse 21.5 e diz que a novidade do próximo ano vai acontecer quando Espírito Santo entrar e tomar o lugar de direção. “Jesus disse: ‘Eis que faço novas todas as coisas.’ (leia Apocalipse 21.5) Nós estamos às vésperas do ano novo, mas tudo se faz novo na sua vida, a partir do momento que você usa a sua razão de acordo com a Palavra de Deus. Quando a pessoa recebe essa Palavra, forma dentro dela uma nova vida. A novidade começa dentro de você, pois, uma vez o Espírito Santo dirigindo o seu interior, então, você terá a visão de Deus”.
Outra igreja que investe na divulgação do culto da virada é a Igreja Renascer, todos os anos o apóstolo Estevam Hernandes libera uma palavra profética para seus fiéis com 12 bênçãos que deverão ser alcançadas ao longo do ano. Em algumas igrejas, além do culto há confraternização com alimentos trazidos pelos próprios fiéis.
No site Igospel há a explicação de que este culto é realizado deste a fundação da Renascer. “É um ato profético que consiste em terminar o ano na presença de Deus, em uma atitude de louvor e gratidão ao Senhor. Neste período, os membros da igreja levantam um clamor a Deus, em busca de direção para mais um ano que se inicia.”
Já a Igreja Batista da Lagoinha vai alugar o Estádio do Mineirinho para realizar o evento que deve atrair milhares de pessoas. A festa promete renovar as forças de quem já está sem esperança através de um momento de louvor e das palavras que serão ministradas. Este evento acontece a partir das 19h.
Em Manaus a Celebração de Fim de Ano do Ministério Internacional da Restauração não será um culto da virada, mas o líder espiritual já reservou a Arena Amadeu Teixeira para realizar o evento que vai das 20h às 22h.

Fonte:GospelPrime